Por Amanda Almeida!
Comportamento

Produtividade x Excesso de ocupação

Produtividade x Excesso de ocupação
No mês de agosto li uma matéria muito interessante na revista Glamour sobre a diferença entre ser produtivo e ser ocupado. Me chamou tanto a atenção que comecei a refletir se me encaixava no perfil. Logo percebi que minha rotina muito se diferenciava da rotina da pessoa que escreveu a matéria, contudo, me identifiquei com alguns pontos discutidos por ela.

Ser produtivo não significa ser necessariamente uma pessoas extremamente ocupada.

Às vezes, no trabalho, tenho a tendência a querer me ocupar para não transparecer que estou “sem nada” pra fazer, contudo, se analisarmos bem, se você consegue concluir bem um trabalho antes do tempo não é ruim, apenas mostra que você é uma pessoa que consegue cumprir prazos.

Outro ponto que também me chamou a atenção foi com relação à correria e a famosa “afobação” ao fazer várias coisas ao mesmo tempo. Já cometi esse pecado algumas vezes, e vou te contar, nada saiu da forma que deveria ter saído. Resultado: passei o dia ocupada, mas no que se refere a produção de fato, foi um fiasco.

Saindo um pouco do ambiente “trabalho” e focando nessa minha atividade/hobby que é o blog, consegui colocar algumas coisas que ela ressaltou na matéria em prática. A primeira delas é sobre organização. Eu já devo ter falado aqui algumas vezes, não sou nem de longe uma pessoa organizada, muito pelo contrário, há dias em que nem minha mente é coerente imagine o resto. Mas até que estou bem orgulhosa de mim ultimamente, pois estou conseguindo me organizar de tal maneira que estou conseguindo postar com a frequência planejada, e ao mesmo tempo ter alguns posts programados. Meu quarto tem se mantido organizado em 60% do tempo, o que já é uma vitória, e voltei a ler, algo que há algum tempo estava tendo dificuldades.

Segundo, faça uma coisa de cada vez. Esse é o segredo. Ter uma lista de cosias pra fazer é ótimo, mas do que adianta tentar fazer tudo ao mesmo tempo? A probabilidade de que alguma coisa, ou todas as coisas não saiam da forma que você gostaria é enorme. E faça listas alcançáveis, eu era expert em montar listas de coisas a fazer, que no fim ficavam sem realização, vergonha, eu sei, mas era isso que acontecia.

E terceiro descanse. Socialize. Faça algo completamente diferente da sua atividade, seja trabalho ou até mesmo o blog. Faça uma caminhada, jogue uma partida de vídeo game, saia para tomar um sorvete, jogue bola, espaireça. São essas pequenas coisas que reestabelecem suas energias e alimentam novas ideias.

Espero que esse post te ajude pelo menos um pouquinho a refletir sobre isso, e que possamos levar a vida de maneiras mais leve e menos acelerada, afinal, só temos uma vida, então, que possamos vive-la da melhor forma possível.

You Might Also Like...

18 Comments

  • Reply
    Aline Amorim
    12 de setembro de 2016 at 9:43 am

    Eu acho que muito ruim quando fico ocupada o dia todo e quando chega o final do dia parece que eu não fiz nada. Gostei muito desse post.
    Eu não sou nada organizada, e acho péssimo ser assim. Tentar mudar isso não tem sido nada fácil.
    Beijos

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 9:19 am

      é difícil mesmo Aline, mas com perseverança agente acaba chegando lá.
      bjus

  • Reply
    Ryokobel
    12 de setembro de 2016 at 9:39 pm

    Oi Amandinha, tudo bem contigo ???
    Eu sei exatamente o que é esse problema, será que posso chamar de problema ??? Entre a famosa produtividade e a ocupação. Não li a matéria, mas aprendi, com vários erros e alguns acertos, que uma nem sempre está relacionada com a outra. Por me cobrar vários projetos, iniciar isso e mais aquilo, muitas vezes me vi atolada, ocupada até dizer chega e sem conseguir realizar tudo da forma como gostaria, de uma maneira produtiva e planejada. O meu problema sempre foi o de assumir mais do que conseguia realizar, sempre quis fazer muito e quando não dava conta ficava frustrada, hahaha, mas o mais engraçado, é que sempre tentei me organizar da melhor maneira possível.
    Acredito que cada pessoa vai se identificar com o tema de uma certa forma né ?! Mas tenho certeza de que o assunto é universal, todo mundo passo por isso, uma hora ou outra.
    E com relação a dar um tempo, descansar, fazer alguma coisa diferente, você está certíssima !!! Isso faz um bem danado, muito mais do que parece. Levei muito tempo para realmente entender isso, e hoje não troco essa “sabedoria” por nada !!!

    Beijinhos
    Dá uma Passadinha no Canal

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 9:47 am

      Verdade Bell, todo mundo já passou, está, ou vai passar por uma fase dessas, mas o bom é que passa.
      bjus

  • Reply
    Lorraine Faria
    13 de setembro de 2016 at 11:50 am

    Esse é um conceito bem explorado pelo blog Vida Organizada tbm Amanda! Adotei para a vida e tento sempre que possível ser menos ocupada e mais produtiva. Claro que não é sempre que a gente consegue, mas seguimos tentando hahah

    beeeijo

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 10:39 am

      Gosto de mais do vida Organizada ^^, é um de meus blogs favoritos. E de fato Lorraine, nem sempre a gente consegue, mas o importante é seguir tentando.
      bjus

  • Reply
    Clayci
    13 de setembro de 2016 at 1:46 pm

    Esses dias eu estava pensando sobre esse assunto Amanda!

    Eu achava que estava sendo produtiva e rendendo o meu dia, mas descobri que na verdade estava me ocupando demais e não estava conseguindo ser eficiente nas atividades. Preciso de uma pausa e colocar tudo em um papel por prioridades =/

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 10:53 am

      Nossa Clayci, mas ainda bem que você percebeu. Espero que consiga colocar as coisas no papel, e que no fim tudo fique mais tranquilo.
      bjus

  • Reply
    Bruna WB
    13 de setembro de 2016 at 3:30 pm

    Adoro essa questão, Amanda, e volta e meia me pego pensando nisso – como quando um amigo cancela um encontro por estar atarefado demais. E eu costumava ser assim, sabe? Eu até sentia um prazer em dizer para outra pessoa que tinha “muitas coisas para fazer”. Só que eu descobri que ser/estar ocupado não é uma coisa boa para mim – é bem triste, na verdade. No meu caso, ficava evidente a falta de organização em conciliar compromissos, ou ainda assumir mais tarefas do que me era possível. E a vida passa tão rápido que é fundamental pensarmos em como estamos vivendo.
    Fico feliz que você tenha conseguido se organizar melhor.
    Obrigada por compartilhar seu pensamento – acho muito legal refletir sobre o assunto. 🙂
    Beijos,
    Bru
    Blog Moderando

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 11:03 am

      Oi Bruna,
      Que bom que gostou, e de fato, o estar sempre ocupado também prejudica outros aspectos de nossa vida, em especial a parte social e de convivência. Mas esse é um trabalho eterno e é sempre bom ficar vigilante.
      bjus

  • Reply
    Dai Castro
    13 de setembro de 2016 at 9:07 pm

    Geralmente a nossa rotina é cheia, e organizar as nossas ideias é essencial para cumprir cada coisinha da maneira que desejamos. Sempre cometi o erro de abraçar o mundo, mas aos poucos de uma maneira dolorosa ou não, vamos percebendo que esse tipo de atitude é muito mais prejudicial do que benéfica. Estou aprendendo a me organizar para ser mais eficiente. Beijos!

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 11:14 am

      Que bom Dai, também tinha esse hábito de querer abraçar o mundo e fazer inúmeras coisas ao mesmo tempo, mas o bom, é que no fim a gente acaba acordando e percebendo que o melhor mesmo é desacelerar.
      abraços,

  • Reply
    Juliana Araújo
    13 de setembro de 2016 at 10:48 pm

    Muita gente acha que como eu faço universidade, tenho blog, faço academia etc etc. automaticamente eu sou bem sucedida e organizada. Não, não sou…. Pelo menos não 100%. Já cheguei a fazer 2 cursos ao mesmo tempo e dei pausa em um porque não estava conseguindo fazer nada. Dei uma pausa na correria, na afobação da vida, do ter que fazer muitas coisas e não fazer nada de um jeito em que eu possa respirar e fazer bem feito. Larguei até emprego e fui me cuidar. Comecei academia, comecei a respeitar meu sono e tento não me comportar como uma máquina. Faço listas, planejamento e gostaria de conseguir fazer tudo certo, tudo perfeito, na hora x, mas faço pouco, mas com intensidade! E isso é que dá resultado. Pior coisa é ter uma rotina cheia e se desesperar por isso. Tento ficar tranquila, não quero endoidar não, hehe. E pior que tem gente que acha que o certo é se entregar a essa correria e aceitar não ter saúde, e ter que “se matar”. Eu, hein. Beijos

    • Reply
      Amanda Almeida
      14 de setembro de 2016 at 2:42 pm

      Oi Juliana,
      Essa é a pior parte, perder a saúde por conta dos excessos. Mas que bom que você tá conseguindo desacelerar e cuidar mais de você.
      Abraços.

  • Reply
    Gabi
    15 de setembro de 2016 at 10:46 am

    Oi, Amanda! Tudo bem com você?
    Olha, eu adorei esse seu post. Eu acho que me encaixo totalmente na pessoa OCUPADA, pois faço muitas coisas ao mesmo tempo, monto listas enormes de coisas pra fazer (aí vou só jogando pro dia seguinte) e por aí vai… Já ouvi inúmeras vezes que a coisa certa é FOCAR em determinada tarefa. Aí sim, terminar e fazer outra coisa. Nada de tentar fazer tudo junto, porque aí a tendência é só não conseguir dar conta de nada. E espairecer também é algo que ajuda muito! No caso, sair e dar uma caminhada, ver o sol, ajuda muito. Só preciso agora colocar em prática! hahaha! Parabéns pra você, que está conseguindo!
    Abraços.

  • Reply
    Beatriz Cavalcante
    19 de setembro de 2016 at 11:51 am

    Eu sempre fui uma pessoa bem organizada do tipo que fica incomodada se algo não sai do jeito planejado e agora eu to passando por isso. Acho que eu quis abraçar o mundo e agora tô numa rotina não muito organizada. No meio do ano eu comecei um curso que é bem puxado, cheio de trabalhos e etc. Aí juntou isso + o curso de inglês e meu blog ficou todo bagunçado. Eu gosto sempre de postar 2 vezes na semana e isso nem sempre funciona. E também tem as parcerias e leituras “obrigatórias” que virou uma bagunça também. Tô tentando ajeitar isso e nos finais de semana eu procuro me divertir para não enlouquecer, hahaha.
    Era tanta cobrança que só esse mês eu já fiquei doente duas vezes. :~
    Beijos!

  • Reply
    Bruna
    15 de dezembro de 2016 at 1:07 pm

    Eu estava procurando como conseguir uma ocupação e vim parar aqui.
    É, muitas vezes não encontramos informação na internet.

    • Reply
      Amanda Almeida
      15 de dezembro de 2016 at 2:40 pm

      Ola Bruna,
      Nem todas as respostas encontramos na internet. Na verdade muitas delas somente nós mesmos podemos responder. A pergunta é: o que você quer fazer para se ocupar? Arrumar um emprego? Fazer um curso? Estudar para um concurso? Um novo hobby? Não vai ser a internet que te dará as respostas, mas você mesma.
      Boa sorte.

    Leave a Reply